Alg Sil Diatomácea - 1 Kg - Ophicina Orgânica

Código: ASD1K Marca:
Ops! Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.

Alg Sil Diatomácea Pura Fert 100% Natural 1 Kg

A Alg Sil tem 94.6% de (SiO2) extraído da rocha marinha diatomácea que recebe um tratamento térmico responsável por retirar todas as impurezas, concentrar e ativar o silício, deixando-o mais reativo para as plantas. Mesmo não sendo solúvel, a planta absorve e forma uma camada de óxido de silício entre a epiderme e a cutícula, enrijecendo a parede celular e tornando a planta mais resistente ao ataque de pragas e insetos.

O ALG.-SÍL Dióxido de Silício não é tóxico, portanto, pode ser usado em agricultura, horta em casa e jardins.

Princípio ativo: Sílica Neutra (SiO2 = 94,58%)
pH: 6,8
Umidade: 0,9%

Descrição do produto

Silício ( terra diatomácea)

O uso do pó de rocha aumenta a produção, melhora a qualidade do solo, protege as plantas contra as pragas, controla as doenças e fungos.

Silício é um produto natural proveniente de algas marinhas fossilizadas de diatomáceas, que foram extraídas do ambiente e receberam tratamento térmico para purificação, sendo constituída principalmente por sílica amorfa micronizada (SiO2).

Diferente do silício extraído de rocha que é adicionado no solo, o Alg Sil é solúvel em água, podendo ser misturado a calda pronta com outra substancia, aproveitando assim a pulverização de inseticidas, fungicidas, adubos foliares, etc.

Após a pulverização a planta absorve o produto da mesma forma que a pele humana absorve um protetor solar, criando uma camada protetora, enrijecendo as folhas e o caule, impedindo a ação de insetos, fungos e bactérias.

Ação do silício nas plantas:

Trabalhos recentes têm mostrado os efeitos benéficos do silício em todas as espécies de plantas.

Na cultura do arroz e outras gramíneas (milho, trigo, sorgo, cana, aveia), o silício é considerado essencial, pois quando acrescentado à adubação aumenta a produção.

Entretanto, para outras culturas, o silício desempenha papel importante em processos metabólicos no aumento da resistência celular física, diminuindo as perdas de água por transpiração, tornando a planta mais rígida dificultando a infecção, desenvolvimento e proliferação de fungos e ataque de pragas. Promove estímulos para a resistência sistêmica das plantas por aumentar as substâncias de defesa.

Apesar de alguns não considerarem nutriente essencial, o aumento de resistência contra doenças e pragas é patente.

 

Vantagens do uso do Silício:

  • O Silício usado em pulverizações frequentes ao longo do desenvolvimento vegetativo nutri a planta, favorece a resistência de folhas, frutos e sementes.
  • O Silício oferece um longo efeito residual, pois aumenta a resistência da planta, diminui a perda d'água, aumenta a rigidez do colmo e galhos diminuindo acamamentos e perdas por ventos, suportando cachos e frutos maiores e mais pesados.
  • Não permite o desenvolvimento de resistência das pragas e doenças;
  • Incrementa a produtividade de culturas, principalmente gramíneas, agindo na mitose (divisão celular);
  • O Silício se insere dentro de programas de manejo integrado de doenças e pragas de todos os cultivos, criando uma barreira física, que impede a ação do inseto.
  • O produto não causa intoxicação aos agricultores e consumidores, pode inclusive ser misturado a grãos e rações para expurgo e secagem.
  • Não deixa resíduo tóxico no produto, atendendo aos anseios da população que procura cada vez mais por alimentos sem resíduos de agrotóxicos.

Princípio ativo: Sílica neutra; pH do produto: 6 a 8; Umidade: 0,90%.
Isento de metais pesados e tóxicos, tais como, chumbo, mercúrio e cádmio.
Não tóxico, por isso, não tem prazo de carência quando pulverizado sobre plantas destinadas ao consumo.

INDICAÇÃO:

Elimina as doenças fúngicas das plantas, como oídio, míldio, fusarium pinta preta, antracnose, podridão, murchadeira e fungos, e age como um curativo nas feridas dos frutos e galhos após a colheita.

É um excelente substituto do cobre, mas totalmente orgânico, pode ser misturado com produtos químicos aumentando a potencialização da aplicação.

O silício e um composto natural, extraído de rochas fossilizadas, algas marinhas e a uma blindagem na cutícula foliar da planta, deixando as folhas mais grossas, deixando a lavoura mais resistente a proliferação de fungos e ataque de pragas e insetos, aumentando a resistência a doenças fúngicas e nematoides (oídio, míldio, fusarium, pinta preta, antracnose, podridão, murchadeira) ele também atua como curativo ou seja tem uma ação cicatrizante nas feridas dos frutos e dos galhos após colheita.

Com a aplicação do silício é possível, aumentar a resistência ao acamamento por causa do teor de lignina no colmo, aumentando assim a rigidez desse colmo e dos galhos, suportando cachos maiores e mais pesados. Na parte foliar, ele melhora a absorção dos nutrientes, devido a concentração de cálcio, magnésio, ferro e fósforo, desenvolvendo o crescimento vegetativo dessa planta e a floração.

 

Principio ativo:

Sílica neutra ph do produto: 6 a 8 umidade: 0,90%.
Isento de metais pesados e tóxicos, tais como, chumbo, mercúrio e cádmio.
Não tóxico, por isso, não tem prazo de carência quando pulverizado sobre plantas destinadas ao consumo.

Modo de utilização:

Para aumentar a resistência das plantas às doenças e pragas:
Hortaliças e Flores - 2 g por litro de água

Jardins, Gramados e Arbustos - 30g para cada 20 litros de água

Vasos de Plantas - 2 g por litro de água

Árvores e Frutíferas - 30g para cada 20 litros de água

Grãos - 300g/ha

Momento de Pulverização

Quando as plantas estão em estado vegetativo com brotações, flores e frutos verdes.
A ideia é aplicar em folhas jovens para que as células formem camada de proteção a entrada de fungos e alimentação de insetos.
O silício é pouco móvel na planta, desta forma, mesmo a planta absorvendo pelas raízes, o silício tem dificuldades em alcançar as folhas, brotos, e frutos, daí a necessidade de pulverizações frequentes.
Pode ser misturado com outros micronutrientes foliares, inseticidas e outros produtos químicos e biológicos.

Importante

Fazer pré diluição e coar antes de colocar no tanque do pulverizador, pois pode haver alguns grânulos maiores que poderão entupir os bicos do pulverizador.
Não altera o ph da calda e os outros produtos a ela adicionados.
Promove a resistência física, promover o espessamento das folhas e da casca dos frutos, estimula a produção de fenóis e fitoalexinas responsáveis na resposta da planta a ataques de doenças e pragas, aumentando a resistência da planta e diminuindo a exposição a doenças.

 

Composição Química

Sio2..... 94,6
Al2o3... 3,38
Tio2..... 0,21
Fe2o... 0,23
Cao..... 0,42
Mgo..... 0,44
Na2o... 0,18
K2o..... 0,11
ph........ 6/8
Mno..... 0,01
P2o6... 0,01

 

Para facilitar a manuseio indicamos a Mini Balança Multi Uso!

Pague com
  • Pix
  • Mercado Pago
  • proxy-paghiper-v1
Selos
  • Site Seguro

VERDE MANIA GARDEN SHOP LTDA - CNPJ: 37.472.896/0001-11 © Todos os direitos reservados. 2024

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade